sábado, 9 de fevereiro de 2008

Campeonato Paulista - 8ª rodada

Começa hoje, com três jogos, a oitava rodada do Paulistão-2008. Rodada que promete ser decisiva para alguns times, entre eles, Corinthians, Palmeiras e Santos.

O Palmeiras, de Vanderlei Luxembrugo, joga contra o Guarani, em São Jose do Rio Preto. O Corinthians enfrentará o Ituano, em Itú e o Santos, fará o clássico da rodada, amanhã, no Morumbi, contra o São Paulo.

Para Luxemburgo, chegou a hora de o time reagir. "Tenho certeza de que o meu trabalho dará certo", afirmou, durante os treinamentos. Sem vencer há 4 jogos e com derrota nas últimas três rodadas, o treinador, já não é mais unanimidade dentro da Academia. O Palmeiras ocupa 14ª posição.

O Corinthians, de Mano Menezes, jogará contra um time que ainda não perdeu para os chamados grandes. O Ituano venceu Portuguesa e Palmeiras e empatou com o São Paulo. A precupação maior do time de Parque São Jorge é o ataque. "Estamos conseguindo destruir, mas não estamos criando", falou Mano, em entrevista coletiva.

A revelação do time, o meia Lulinha, que fará sua 27ª partida pela equipe profissional, está ansioso pelo primeiro gol. "Já sonhei várias vezes, mas queria que virasse realidade", disse o jogador, que aos 17 anos, sente a pressão que vem das arquibancadas.

O clássico da rodada ficará por conta de Santos e São Paulo. O tricolor do Morumbi, apesar de não figurar entre os quatro melhores até o momento, vive um clima tranquilo. E contará com as voltas de Hernanes e Richarlyson, que voltam depois de terem servido a seleção brasileira.

Para Muricy chegou a hora de o time apresentar um melhor futebol. "Tivemos um período de preparação e adaptação aos novos jogadores, mas já temos um mês de trabalho e está na hora de jogar melhor. Tem de melhorar o futebol", cobrou o técnico.

No Santos parece que o clima está longe de melhorar. Apesar da vitória, sobre o Marília, no meio da semana, o técnico santista, Émerson Leão, não consegue entrar em sintonia com a diretoria.

Às vespéras do clássico, durante entrevista coletiva, voltou a contestar os novos reforços sulamericanos. "Se não inscrevesse, seria um tiro no dono deles, que contratou, um tiro no presidente e um tiro no técnico. É muita morte", ironizou o treinador.

O peixe contratou 4 jogadores de pouca qualidade e que, na opinião de Leão, terão pouco a acrescentar ao time. São eles: o chileno Sebástian Pinto, o colombiano Jorge Molina, o equatoriano Quiñones e o argentino Mariano Trípodi.

Além disso, Leão nunca escondeu que não gosta de trabalhar de com jogadores estrangeiros.

Grandes à parte, a 8ª rodada será completada com mais 7 jogos:

Mirassol x Portuguesa
Noroeste x Bragantino
Juventus x Barueri
São Caetano x Paulista
Ponte Preta x Rio Preto
Sertãozinho x Marília
Rio Claro x Guaratinguetá

Nenhum comentário: